Paranormais

Boa tarde pessoal !!!

Venho falar hoje de um livro pelo qual lancei como teste no site da Amazon, não sabia ao certo o que fazer porque não tenho ainda muita habilidade na página e o fiz em fevereiro deste ano para ser mais precisa.. escrevi um conto de ficção e " terror "que já estava guardado na gaveta a um tempão e sinceramente eu adoro a história.. resolvi dar uma rebolada no texto o postando no Amazon e confesso que estou gostando até agora, pois a receptividade no site e nos leitores clientes são magníficos.. depois de tomar essa coragem venho divulgar meu trabalho, pois foi feito com muito carinho e dedicação, confesso que ainda sou fresca nesse ramo e tenho muito que aprender, afinal o aprendizado é eterno, acredito eu, mais tenho seis anos na estrada da literatura, sou atriz e amo minha carreira, sempre gostei de interpretar e me descobri escrevendo e me apaixonei literalmente, confesso que são contos bem rápidos e precisos, pois não tenho nome nessa área e a história sendo rápida e fácil de ler, de repente eu consiga trazer mais pessoas para o meu lado que consigam sentir a história como eu sinto quando escrevo. Bom, vamos falar um pouquinho da história que está gratuita até o dia 27/10, depois vai ser vendido por um preço beeeeeeem razoável de R$ 2,07, isso mesmo que você leu gente, dois reais e sete centavos. Bom demais não é??? Então.. pra você que gosta de histórias de criaturas, anjos, demonios e tudo que se tem direito, vão curtir sem dúvida esta história que ainda está no primeiro livro, dependo de vocês pra terminar os outros, quem sabe!? O endereço é este aqui embaixo para quem estiver interessado e claro, para quem curte ebook, em breve o Amazon trará novidades como o livro impresso, dependerá da ajuda de vocês, da procura e tal. Conto com vocês nessa né??? Espero que sim!!! Com versão em português e inglês... achei ótimo tê-lo em inglês também! :)
http://www.amazon.com/s/ref=nb_sb_noss?url=search-alias%3Ddigital-text&field-keywords=Paranormais

A história é a seguinte, vou deixar aqui um resuminho para vocês:


Paranormais é um livro onde todas as criaturas tomam formas, tomam a maldade como poder, onde um inferno quer comandar e um céu quer deter escondendo mistérios entre os dois mundos. Montis o rei do inferno a procura de Vicky, uma rainha que abandona o reino por amor a Lucius, O rei dos céus, no comando de Deus que tirou férias eternas, e fogem para a Terra para viverem esse amor. Vicky descobre que está grávida e abandona a menina em um hospital terreno, a mesma é adotada por humanos onde seu registro aponta pelo nome de Martha que adquiriu os poderes da mãe porém vive como uma humana e não sabe da verdade e quando foi feita a revelação, foi tarde demais e Javier desce das nuvens a resgatando e se apaixona pela mesma dando a coroa do céu para Martha. Tempos depois da grande descoberta, nasce Dakota filha de Martha e Javier, a décima quinta grandeza do céu, considerada uma das mais poderosas, que guarda todos os poderes da mãe mais também de seu pai que é anjo, seu sonho é viver na Terra e conhecer o amor, ela recebe tal presente em seu aniversário e em uma busca na Terra, a menina anja se apaixona pelo padre Robert que foi amaldiçoado pelas bruxas antigas do eucalipto da floresta, mais antes dele nascer, Louise fugiu para viver seu grande amor com Davi um lobo-homem que a salvou dos ataques de sua legião e desde de então formou-se uma família com ela. Enquanto isso que Jhenifer vê toda a história em visões dadas pelo destino e narra a história com detalhes absurdos , ela se atormenta com perdas nas imagens que se formavam diante de seus olhos e quando a visão começa a acontecer e a perseguí-la, ela procura ajuda para parar o futuro. Uma guerra é lançada entre o céu e o inferno, quem ganhará essa batalha?! 
Quem ficará com o amor de Vicky? 
Dakota viverá o amor com Robert? 
             Paranormais, onde o mundo está dominado por seres e criaturas o tempo todo.


Espero muito muito muito que gostem!!!!!! (: 





A ÚLTIMA MÚSICA (NICHOLAS SPARKS)




Bom dia pessoal, tive alguns probleminhas,porém agora estou aqui com vocês novamente e claro de problemas resolvidos!!!! Isso que importa!!!
Bom, então bora dar mais dicas de livros por aqui e hoje pra ganhar o dia, resolvi falar sobre o livro muito bem comentado e o filme é incrível, Liam lindo como sempre e apesar da digníssima Miley hoje em dia estar um tanto diferente.. Enfim.. o resumo logo abaixo pra vocês, vale a pena ler e ver o filme. ;)

Verônica Miller (Ronnie) vê a sua vida girar 180º quando os pais se divorciaram e seu pai decide ir morar em Wrightsville, Carolina do Norte. Três anos depois, ela continua magoada e distante dos dois; particularmente, dele. Misteriosamente, sua mãe decide que os filhos passariam as férias de verão com o pai no litoral. Steve, ex-pianista, vive em paz na cidade costeira, absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local. Ressentida e revoltada, Ronnie rejeita toda tentativa de aproximação dele e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar. Mas ela conhece Will, o garoto mais fofo do lugar e, conforme vai baixando a guarda, começa a apaixonar-se profundamente por ele, abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma felicidade e uma dor jamais sentidas. Uma história inesquecível de amor, carinho e compreensão – o primeiro amor, o amadurecimento, a relação entre pais e filhos, o recomeço e o perdão – A ULTIMA MÚSICA demonstra, como só Nicholas Sparks consegue, as várias maneiras que o amor é capaz de partir e curar seu coração.



A Última Música. The Last Song. Nicholas SPARKS. Ed. Novo Conceito, 2010, 383 p. Trad.Marsely de Marco Martins Dantas.




Ela é a mais rebelde de Sparks e não poderia ter tido uma melhor atriz para interpretá-la, [exceto, possivelmente, Dakota Fanning]. A própria Miley escolheu o nome "Veronica / Ronnie" para a personagem, segundo os agradecimentos de Sparks, no início do livro, nos revelam. Esta é uma bela história, emocionante e, por vezes, revoltante, sobre como podemos "quebrar a cara bonito", várias vezes, antes de entender o que realmente importa na vida. É mais um livro que conheci após o filme, e mais uma história que me gerou sentimentos paralelos.



Famílias felizes são todas iguais; cada família infeliz tem sua própria maneira infeliz de ser. (Tolstoi, citado na p. 129)

Direitos para canto e conto. 


Bom... é isso por hoje.. beijo beijo e amanhã tem mais!!!

Claro que te amo

Bom dia pessoal!!

Bom, hoje venho indicar um livro que está a venda na Livraria Saraiva, se não me engano, se não está ainda, estará com certeza, o livro me parece ser uma grande promessa, só pelos comentários, a capa maravilhosa e a sinopse já percebe-se ser um livro incrível. Fora que adoro histórias romanticas, quando tiver oportunidade comprarei com a mais absoluta certeza, fora que a escritora Tammy Luciano é um amor de pessoa, não a conheço mais já conheço alguns trabalhos da mesma e eu simplesmente adorei! Ela estará na bienal do livro do Rio de janeiro com a Editora Novo Conceito galera, para quem quiser prestigiá-la. Vale conferir!!!

Claro que Te Amo!



Sinopse - Claro que Te Amo! - A felicidade pode chegar quando mais esperamos - Tammy Luciano

Piera tem certeza: está cometendo a maior loucura da sua vida ao assistir, escondida, ao casamento de seu ex-noivo. Depois de seis anos de relacionamento, entrar de penetra na comemoração foi tudo que André deixou para ela. E olhar a cena não a faz feliz, mas encerra uma fase de sua vida. Hora de recomeçar. Mas como recomeçar se seu coração está cheio de dor? Envolver-se com a história de Piera é como descobrir que sempre há um lado muito bom a ser revelado… Mesmo que tudo pareça tão difícil.



Espero que gostem da dica, porque eu vou garantir o meu. Um ótimo final de semana ! E durante a semana tem muito mais dicas de livros.
beijo beijo..

Elas são gêmeas



Boa tarde pessoal, venho hoje dar um agrado ao meu primeiro filho de muitos que ainda virão.Meu primeiro livro,minha primeira obra publicada,o volume um que já está a venda nas melhores livrarias do Brasil,tais como: Livraria da Travessa que super apoiou o projeto,obrigada a todos os funcionários que me trataram com bastante carinho e atenção,a Livraria Saraiva,a Livraria Cultura e a Editora Baraúna que vem com um descontão!!! Agora sim vou escrever um pouco mais sobre esta obra,Elas são gêmeas é muito mais que duas irmãs idênticas, é muito mais que um conflito familiar, é a mistura de algo atual com casual,não é uma história clichê e sim uma história que envolve temas importantes para a vida, é onde o amor é o principal tema abordado,onde caminhos tempestuosos estarão dificultando duas vidas a serem totalmente felizes,onde a inveja e princípios morais atrapalham tudo que se é verdadeiro e certo. Até onde uma pessoa seria capaz para se obter o que almeja?Elas são gêmeas vai além de todas as expectativas, uma história de amor que deixará sem dúvida marcas no coração de quem lê.

Resumo

Atropelada pela vida ou pelo destino? Estava amargurada, decepcionada e totalmente sem esperança. Andando por uma estrada, a qual não sei o nome, a única coisa é que eu me arrastava dentre um caminho cheio de poeira e vazio. Sim, totalmente vazio e quente, meus poros me denunciavam a cada passada de mão que dava na testa. Até que, então, avisto um lugar, bem de longe, um restaurante no meio do nada, naquela estrada que..- Onde eu estou? Pra onde irei? Ai, Deus, nem ao menos sei quem sou!!!!
 
 
 
Combinando romance,mistério e aflição,uma história que produz uma certa dúvida com a verdadeira identidade,fazendo marcar sua estréia literária.Extraordináriamente aflitivo,Elas são gêmeas mantém suspense até a última página do primeiro volume da série.
 
 
 
Obrigada aos parceiros :
 
Resenha de uma parceira:
 
E se o seu maior inimigo fosse do seu próprio sangue? E se ele estivesse disposto a te roubar tudo até a sua própria identidade?

Está é a premissa de “Elas são gêmeas”. Tudo começa no nordeste, somos apresentados à angústia de uma mulher sem memória, perdida que se envolve com um pescador e tem um filho que supostamente nasceu morto. Com o infortúnio, ela decide buscar a sua memória e recuperar a sua vida. Nessa busca vai para o Rio de Janeiro, onde encontra Jared. Ele a chama de Catarina e a beija. Porém, ela descobre ser Carla a irmã gêmea que desapareceu após um acidente. Sutilmente a partir daí o grande mistério vai sendo revelado. Nos deparamos com Catarina que faz questão de ostentar o noivo para irmã. E também percebemos que Carla sente ciúmes do casal, nutrindo um grande sentimento pelo cunhado.  A primeira parte do quebra-cabeça é uma tatuagem que Catarina e Jared fizeram como um símbolo de amor, que surpreendentemente Carla também tem. Outras peças chaves vão se revelando até o grande desfecho. No acidente Carla ajudada pela mãe assumiu a identidade de Catarina, para roubar tudo o que pertencia à irmã, inclusive seu grande amor.

É uma leitura rápida, instigante, suspense da primeira até última página. É claro que eu destaco o amor da Catarina e Jared, que é muito lindo. O final foi incrível, perfeito.
 
 
Aqui vai o link :
 
Obrigada ao Barrazine:
 
Obrigada a Nova Escola de Teatro
 
 
Bom,é isso!! Espero que gostem !!!
Uma ótima quinta para todos!!!
:)

 
 

O Menino do Pijama Listrado

                          

Bom dia gente, achei bastante interessante fazer uma resenha de um livro que particularmente gosto muito e não sei por cargas d'água que ainda não falei dele aqui... Começando com a sinopse do livro e logo em seguida a resenha,ok?¹ Espero que gostem!! :))

********************************************************************************

Dados Técnicos : 
Autor : John Boyne
Editora: Cia. Das Letras
Páginas: 200
Edição 1
Laçamento: 2007
Sinopse:
Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os Judeus. Também não faz idéia de que seu país está em guerra com boa parte da Europa, e muito menos de que sua família está envolvida no conflito. Na verdade, Bruno sabe apenas que foi obrigado a abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga. Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel, um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele. Conforme a amizade dos dois se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as atividades de seu pai. “O Menino do Pijama Listrado” é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.

***********************************************************************************************************

Resenha :

Assim como “O Diarío de Anne Frank” “O Menino do Pijama Listrado” emociona e muito. O livro é um ensinamento de amizade e inocencia.
O livro ofusca toda a 2º Guerra Mundial. Não é um livro contando detalhes da guerra, e sim o drama sofrido por pessoas que participava diretamente e indiretamente dela. E isso dá todo um mérito ao livro.
Bruno é um garoto de apenas nove anos, que é obrigado a partir de Berlim, sua cidade natal e que vivia desde então para um lugar deserto. A única coisa possível de ser visualizada em volta era a estrada, e ao longe uma grande cerca. Bruno queria sair dali, mas a única coisa que sabia era que o trabalho de seu pai não deixava. O pai de Bruno era um oficial alemão nazista de alta hierarquia, subordinado imediatamente a Hitler, que nunca deixava o filho saber qual o seu verdadeiro serviço.
A curiosidade de toda criança entra em cena. Bruno cansado de não fazer nada em casa, sai escondido para conhecer o que havia atrás daquela cerca distante. Lá conhece Shmuel, uma criança judia que tem a mesma idade. A amizade nascida entre eles é espontânea e essa é a principal lição do livro.
Os dialógos do livro são puros e inocentes, assim como a conversa de uma criança da mesma idade dos protagonistas. Juro que se eu continuar a escrever, vou acabar escrevendo spoiler. Vale a pena, se você quiser se emocionar é claro. Eu como boa pisciana adoro esse tipo de livro e filme... então fica aí uma ótima dica!!!
Aaaa deixando aqui registrado a minha mais nova parceira do blog,Bem vinda!!!!Deixarei o link dela para quem quiser visitar!!! beijão a todos e um ótimo sábado!!!

A menina que roubava livros

                             


Veja capa, sinopse e resenha do livro A Menina Que Roubava Livros, do autor Markus Zusaz, publicado pela editora Intrínseca.
Sinopse:
“A trajetória de Liesel Meminger é contada por uma narradora mórbida, surpreendentemente simpática. Ao perceber que a pequena ladra de livros lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943. Traços de uma sobrevivente: a mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los por dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. O único vínculo com a família é esta obra, que ela ainda não sabe ler. Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a conivência do pai adotivo, um pintor de parede bonachão que lhe dá lições de leitura. Alfabetizada sob vistas grossas da madrasta, Liesel canaliza urgências para a literatura. Em tempos de livros incendiados, ela os furta, ou os lê na biblioteca do prefeito da cidade. A vida ao redor é a pseudo-realidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do Führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude Hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela História. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa deste duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto, um sucesso absoluto – e raro – de crítica e público.”

Resenha:


Um livro com uma linguagem simples, com um enredo fácil e muito envolvente, que aborda a natureza humana de uma forma inocente. O livro é narrado pela Morte, e tem uma história suave e trágica ao mesmo tempo.
A história abordada no livro é sobre a Segunda Guerra Mundial, mas precisamente em torno de 1939 e 1943. A morte nos conta uma história, sobre quando encontrou Liesel Meminger três vezes, e em todas a garota saiu com vida. Muito nova, Liesel viu seu irmão morrer e sua mãe por não ter condições de cria-la passou sua filha para Hans e Rosa Hubermann, o seu padrasto era um cara amável, mas sua madrasta era uma mulher rancorosa e que não demonstrava muito carinho por Liesel. O primeiro livro de Liesel pertenceu ao coveiro que enterrou seu irmão, ao deixar o livro cair na neve, Liesel o achou e roubou, sendo assim seu primeiro livro roubado de muitos que iriam vir em seguida.
A Alemanha passava por uma época horrível e foi à paixão por livros que deu um novo sentido a vida de Liesel. Liesel teve grande amizade com Rudy e com um judeu que ficava em seu porão e isso foi preenchendo seus dias. A morte, que é a narradora dessa história,como mencionei acima acompanhou Liesel e testemunhou tudo que ela passou.
A menina que roubava livros foi uma de minhas melhores experiências de leitura,totalmente inspirador e meu trouxe momentos extraordinários e incríveis de leitura, um livro que nos ensina o poder que as palavras têm e a magia que elas transmitem. Um belo trabalho do autor Markus, que consegue nos fazer refletir e emocionar. Uma leitura ótima que flui facilmente e que me deixou aflita para saber o que aconteceria depois. Ótimo trabalho da Intrínseca, uma capa bem elaborada, e a frase atrás do livro chama muito a atenção. Um livro realmente bom de ler, cheio de informações e uma visão mais profunda de uma história tocante e emocionante, recomendo a leitura desse belo livro.O livro que sairá das páginas para a telona,chegará ao Brasil em breve!!!
Para finalizar deixo a frase que vem atrás do livro:
“Quando a Morte conta uma história, você deve parar para ler.”
:)


                             

Oi queridos, tudo bem?Continuando...
Sinopse: Nora deveria saber que sua vida estava longe de ser perfeita. Apesar de começar uma relação com seu anjo da guarda, Patch (quem, título à parte, pode ser descrito como qualquer coisa, menos angelical), e sobreviver a um atentado a sua vida, as coisas não parecem melhorar. Patch está começando a se afastar e Nora não consegue descobrir se é para o seu próprio bem ou se o seu interesse voltou-se para sua arqui-inimiga, Marcie Millar. Sem contar que Nora é assombrada por imagens de seu pai e ela fica obcecada querendo descobrir o que realmente aconteceu com ele naquela noite em que ele partiu para Portland e nunca voltou para casa. Quanto mais Nora se aprofunda no mistério da morte de seu pai, mais ela começa a se perguntar se sua ascendência nefilim tem algo a ver com isso, assim como o por quê de ela estar em perigo com mais freqüência do que as garotas normais. Já que Patch não está respondendo suas perguntas e parece estar atrapalhando, ela tem que começar a procurar as respostas por si só. Confiar demais no fato de que ela tem um anjo da guarda põe Nora em perigo de novo e de novo. Mas ela pode mesmo contar com Patch ou ele está escondendo segredos mais obscuros do que ela pode imaginar?

___________________________________


  Confesso que depois de ler algumas resenhas sobre Crescendo tive medo de me decepcionar nessa leitura, mas isso não aconteceu.

  Logo no início ficamos sabendo como foi a morte do pai de Nora, e o que posso dizer sobre isso?! Mistério e suspense já nas primeiras páginas.

 Nora e Patch vivem um romance bonitinho há dois meses(tempo depois de todos os acontecimentos de Sussurro). 

 Mas tudo muda numa noite quando Nora decide declarar seu amor. Ela fica esperando um retorno de Patch, mas não tem, o anjo simplesmente diz que precisa ir embora rapidamente. E no dia seguinte ela fica sabendo por Marcie que Patch fez campana em frente sua casa durante a noite. Coisas acontecem simultaneamente a isso, o que confunde Nora e faz com que ela acabe colocando um fim no namoro. 

"Mas existem segredos...e existem verdades duras. Verdades assustadoras. Verdades inimagináveis." pág 36


 Em Crescendo conhecemos uma Nora incompreensível, orgulhosa, ciumenta, preocupada com seu ego e seu namoro com Patch. Não vejo isso como um fator pra chamá-la de chata ou insuportável, entendo como sendo uma atitude imatura de uma adolescente insegura, enfim...ela decidiu se afastar de Patch.

"Meu estado de espírito oscilava entre orgulho ferido, raiva e insegurança. Eu esperava que meu silêncio discreto lhe enviasse um recado de que havia algo de errado e que continuaria assim até ele tomar a iniciativa  de consertar as coisas, com um pedido de desculpas ou uma explicação."pág 38




 Marcie , aquela riquinha, metida e mimada que adora ficar provocando Nora, tem um papel de mais importância nessa narrativa, e a história começa a ser modelada, e a tomar um rumo que me surpreendeu.

 Entra em cena um novo personagem, Scott, amigo de infância de Nora, um bad boy, que foi um enigma pra mim durante toda história, ele tem um segredo.



 Com o fim do namoro, Nora está sempre se metendo em encrencas juntamente com Scott, coisas estão sempre acontecendo ao seu redor, mesmo ciente de que o rapaz não é a companhia certa, ela encontrou a sua maneira, uma forma de provar ao ex que levava a vida adiante.



Acho que minha opinião diverge da maioria que andei lendo na blogosfera literária, eu adorei Crescendo, do início ao fim, em todos os detalhes. Não achei a protagonista chata, nem achei que autora pecou com excesso de informações irrelevantes, tudo ali faz sentido, tudo ali dá vida e movimento a narrativa, é um 'labirinto infindável' de acontecimentos, emoções e mistérios. E assim como no primeiro livro eu senti as emoções, amei alguns personagens, odiei a atitudes de outros, me surpreendi, me empolguei, me diverti.



Vee continua aquela amiga que eu adoraria ter: divertida e pra todas as horas.

E o final meu povo?! Vocês não imaginam que final tem esse livro, é de arrancar os cabelos, e matar de curiosidade principalmente quem não tem Silêncio. Então fica a dica: leia Crescendo com  Silêncio já na estante.
 Leitura altamente recomendada.
Obrigada a todos que perguntam do livro ELAS SÃO GÊMEAS.. colocarei mais sobre esse livro aqui e vai ter promoção dele!!! Quem já quiser participar..é só ir deixando endereço de blog e nome aqui nos coments... valeu!!! beijo a todos e ótima semana!!
:D

Amigos Parceiros


Hoje a postagem é especial..pois venho divulgar dois livros da escritora Valéria Schmitt.




                                                       

Sinopse - Outono - Valéria Schmitt




Carolina Jardim é um adolescente que está tranquila e feliz com sua vida e sua escola e não entende por que sua mãe insiste em querer comemorar seu décimo sexto aniversário com uma grande festa, enviando convites a todos os seus colegas e parentes. É claro que a notícia da festa e da popular banda contratada para tocar muda a forma como seus colegas se relacionam com ela, incluindo Bernard, o jovem por quem ela tem uma queda. Durante a festa Carol conhece o lindo, mas enigmático Erick Thatcher, filho de um dos amigos de sua mãe. Ela também conhece uma mulher misteriosa, a venerável Ambrosina. Após todos os convidados de Carol saírem mais cedo e os somente os amigos de sua mãe permanecerem após a meia-noite, houve uma revelação: Eles eram todos bruxos e Carol também recebeu poderes que tinham sido tirados logo após o seu nascimento. Ela também descobre que tem um inimigo a combater e derrotar - Hypollitus - um feiticeiro malvado que quer ter todo o poder para governar. Carol é a única bruxa que pode derrotar esse monstro em uma batalha feroz. Através de sua luta para aceitar seu status diferente e tomar uma decisão sobre a aceitação de sua missão na vida, Carol amadurece deixando de ser uma garota socialmente desajeitada e tímida e se transformando em uma jovem mulher corajosa e forte, que ama intensamente e que encara a sua missão com coragem por causa do amor que ela descobre ter em seu coração por todos aqueles que dependem dela. Será que Carol vai conseguir derrotar Hipollytus e descobrir a verdadeira identidade de Erick no final?

Outono - Valéria Schmitt



                             

Sinopse - Muito Além do Passado - Valéria Schmitt




Às vezes, as lembranças de uma vida passada nos perturbam e não sabemos o motivo... A vida nos mostra que nada dura para sempre: Podemos ser levados ao topo ou ao chão, restando-nos apenas saber o que fazer para não sermos tragados pelo destino. Vivemos em constante evolução! A cada existência procuramos aperfeiçoar o nosso espírito, resgatando antigos débitos do passado e caminhando rumo à evolução espiritual! Um amor mais forte do que a morte, um sentimento que atravessou os séculos... Catherine era uma jovem doce e amável, que vivia na França em 1747 e se apaixonou perdidamente por Bernard, filho do Marquês de Montserrat. A vida, porém, não quis que os apaixonados pudessem viver esse amor em plenitude e os separou precocemente. As intempéries do caminho levaram Catherine à corte de Luís XV, onde ela se torna a favorita do Rei, atraindo para si a atenção dos homens e a inveja das mulheres da corte. Por causa disso, nem sua beleza, nem o favoritismo do Rei conseguiram livrá-la do terrível destino que a aguardava. No ano de 2012, em uma viagem à França, a médica Clara Belucci vê sua vida totalmente transformada... É nesse tempo, nessa vida que, depois de passar pela dor de perder seu pai amado e muito querido num terrível acidente, Clarinha vê, naquela existência longínqua de Catherine no século XVIII, a solução dos seus problemas e a explicação de seus sofrimentos. Dessa forma, com as suas descobertas sobre aquela vida, ela pôde, não somente definir com mais precisão seus passos, mas, também cumprir de uma forma muito melhor a missão a que se propôs ao se submeter a esse mundo novamente. Clara descobriu que reassumindo antigas e esquecidas batalhas com seu "eu interior", sendo uma boa mãe para seus três filhos, guiando seu filho mais novo pelo caminho da luz e da plena evolução e ainda, ajudando as pessoas desconhecidas através de seu trabalho como médica, ela teria a redenção de todas as faltas cometidas no passado e assim, somente assim, estaria livre para reencontrar seu amado Bernard! Dessa vez poderia ser sua última chance, não poderia falhar. Sabendo que a partir desse conhecimento os seus problemas estavam apenas começando e que ela teria que tentar resolvê-los da melhor maneira possível, magoando o menor número de pessoas, Clara se prepara para equilibrar sua vida, juntamente com seu marido e seus filhos adorados. Continuaria sua jornada na Terra ao lado das pessoas que lhe eram caras e tudo faria para que sua família tivesse uma vida feliz e harmoniosa. Assim ela certamente estaria caminhando rumo a mais uma etapa de luz e ao verdadeiro amor.

Muito Além do Passado - Valéria Schmitt



Gostou das dicas???
Entre em contato: valeriaschmitt@hotmail.com

Abraços galera!!!

Resenha "Um dia" de David Nicholls





"Viver cada dia como se fosse o último – esse era o conselho convencional, mas na verdade quem tinha energia para isso? E se talvez chovesse ou você estivesse de mau humor? Simplesmente não era prático. Era bem melhor tentar ser boa, corajosa, audaciosa e se esforçar para fazer a diferença. Não exatamente mudar o mundo, mas um pouquinho ao redor."


Dex e Em, Em e Dex - a história desses dois começa em 1988. Ela tira ótimas notas,inteligente, acaba de formar-se em inglês e história, é linda, mas não sabe. -autoconfiança nunca foi algo presente em sua personalidade mais introvertida. Seus planos para o futuro incluem transformar o mundo, mas não o mundo todo, porque ela é realista. Emma quer transformar o ambiente ao seu redor, de preferência por meio de palavras que ela um dia escreverá.
Já ele é praticamente seu oposto.
Dex só quer saber de farra, acaba de se formar em antropologia, é lindo e sabe disso. Aquela autoconfiança que carrega certa arrogância consigo sempre foi algo marcante em sua personalidade extrovertida. Ele ainda não sabe direito o que quer da vida, além de curtir muito a sua juventude com festas, mulheres e viagens.
"Um dia" narra a história desses dois personagens tão diferentes, tão reais e tão cativantes, que viveram durante quase duas décadas uma série de encontros e desencontros. Apaixonada por Dexter, Emma sempre esteve ali quando seu melhor amigo precisou - e ele sempre soube disso. Para Dexter, Emma era aquela pessoa com quem ele poderia contar sempre, para absolutamente qualquer coisa - e levando em conta a rapidez com que as pessoas chegavam e passavam na vida de Dexter, a amizade de Emma era uma das poucas coisas sólidas que ele teve na vida.
 
Mais uma vez é admirável a escrita de David Nicholls.
O livro é narrado num espaço de tempo enorme: quase duas décadas. A voz consiste na terceira pessoa, de modo que o foco altera-se entre os dois protagonistas: Emma e Dexter. Basicamente cada capítulo narra o dia 15 de julho de cada ano, um dia na vida dos personagens. A mágica do livro aconteceu para mim tanto na estrutura do texto quanto na própria narrativa de Nicholls: parece que cada personagem é responsável por seu próprio destino, no sentido de que a sensação é muito real. Não parece que há alguém criando uma história, e sim narrando algo que aconteceu com duas pessoas, Dex e Em, Em e Dex. São protagonistas tão humanos, com toda aquela subjetividade, com todo aquele leque de pensamentos bons e ruins, certos e errados, cada qual com seus defeitos e qualidades. É o tipo de história que eu sei que vou carregar comigo por aí, porque os personagens me envolveram tanto a esse ponto. Além disso, a protagonista Emma rendeu páginas e mais páginas de reflexão em meu diário - ela é o tipo de protagonista que te leva a pensar que nada na vida é garantido, o tipo de protagonista que faz você torcer até o final para que consiga tudo o que sempre desejou. Sem mais, é um livro que eu recomendo para qualquer um que busca uma leitura com o propósito de viver uma vida inteira, uma história de amor aos moldes mundo real, não conto de fadas.Mais para quem já viu o filme não tem surpresa alguma ler o livro,aconselho primeiramente a ler o livro,pois assim com certeza a emoção será bem maior e emocionante.Bato palma de pé para esta obra.
Aproveitando.. obrigada a todos que foram ontem no lançamento do meu livro!!! :)
 
Beijos e ótimo sábado!!!

Editora: Intrínseca
Páginas: 416
ISBN: 9788580570960
“- Dexter, eu te amo muito. Muito, muito, e provavelmente sempre amarei. – Os lábios dela encostaram no rosto dele. – Só que eu não gosto mais de você. Sinto muito.”

Sussuro - Becca Fitzpratick

Bom dia a todos!!! 



Na minha opinião, esse é o melhor livro da série, não gostei muito do segundo e o terceiro foi mediano para bom. O último me surpreendeu bastante e no final acabei gostando dele apesar de ter muita coisa não ter sido esclarecida da maneira que deveria, mas acredito que a série só perdeu um pouco da credibilidade comigo logo após ler o segundo livro que se mostrou enrolado demais e previsível. Tenho uma relação de amor e ódio com a continuação de Sussurro, mas não deixem de ler conferir, pois apesar disso, é uma leitura que vale a pena. Tenho certeza que não se arrependerão! 
Conheça os livros da série Hush, hush de Becca Fitzpatrick.
Falando do resumo um pouquinho... A história de Becca Fitzpatrick marca o BOOM dos anjos caídos na literatura juvenil causando inquietude nos adoradores de romance fantástico depois de uma fase repleta de histórias sobre vampiros e lobisomens. Sussurro foi uma das séries a respeito de anjos que mais fez sucesso no Brasil. A saga foi lançada no país em 2010 e teve seu término recentemente com Finale.

A vida de Nora Grey mudou drasticamente após o assassinato de seu pai e além de ter que lidar com a perda dolorosa, vários acontecimentos recentes fazem sua vida virar de cabeça para baixo de uma maneira um tanto quanto obscura e sobrenatural. Um estranho começa a persegui-la ao mesmo tempo que ela começa  a ter alucinações e quando as coisas não poderiam ficar mais estranhas, um estranho garoto entra para sua turma da escola mostrando que sabe mais do que deveria sobre Nora.  E é aí que a história começa a se desenrolar.
Nora morava com sua mãe em Coldwater e passava seus dias com sua melhor amiga nada discreta e espevitada, Vee, que era o oposto de Nora.  Diferente de sua melhor amiga, a protagonista da história nunca nutriu um grande interesse em garotos, mas tudo começou a mudar quando aquele cara estranho e até perturbador  tomou o lugar de Vee como parceiro de biologia de Nora por ordem do técnico(?) que atuava como professor.
Patch Cipriano era seu nome, o misterioso, intrigante, gostoso, lindíssimo e até sombrio personagem é o típicobad-boy com o sorriso irônico e irritante que faz quase todas as personagens de livros enlouquecerem. E com Nora não foi diferente: Ao mesmo tempo que ela sabia que deveria ficar longe daquele estranho, parecia que Patch estava em todos os lugares, e logo Nora que sempre foi uma garota responsável, com bom-senso, inteligente e focada sentia-se ameaçada pela perseguição de Patch. Além disso, desde a chegada do misterioso personagem, várias pessoas estavam sendo feridas enquanto ao tentar lidar com o trauma da morte de seu pai, Nora acaba se envolvendo na investigação de um suposto suicídio que mais parecia assassinato. Além disso, Nora ainda tinha que lidar com os problemas de qualquer adolescente comum: Marcie Millar, aquela garota mimada me dá vontade de arrancar a cabeça dela com os dentes repreendê-la de alguma forma, as excentricidades de Vee e uma mãe exigente.
Bom, vou deixar espaço para a mente de vocês trabalhar! Eu recomendo o primeiro livro da série porque a autora conseguiu misturar elementos de romance e ficção com uma pitada de suspense. O livro nos envolve e nos suga para dentro dele e começamos a sentir as mesmas sensações que a Nora (mas acho que isso é mal de leitora compulsiva, né?). Aquela história do “só mais um capítulo” definitivamente não funciona com Sussurro e quando você perceber, o livro já acabou. 


;) ótima quinta-feira !!!

Silêncio - Becca Fitzpatrick


Boa noite pessoal!!!
Hoje venho com um livro que pelo que andei lendo por aí,foi bastante criticado e também desejado por muitos,mais como gosto bastante desses temas de anjos,demonios,bruxas e blá blá blá,achei maravilhosa a idéia de vir falar um pouquinho desse livro.Mais primeiramente deixo a sinopse para que entendam um pouco da história.

Título: Silêncio
Autor: Becca Fitzpatrick | Editora: Intrínseca
Sinopse:Nora Grey não consegue se lembrar dos últimos cinco meses. Depois do choque inicial de acordar em um cemitério e descobrir que ficou desaparecida por semanas, ela precisa retomar sua rotina, voltar à escola, reencontrar a melhor amiga, Vee, e ainda aprender a conviver com o novo namorado da mãe. Em meio a tudo isso, Nora é assombrada por constantes pensamentos com a cor preta, que surge em sua mente nos momentos mais improváveis e parece conversar com ela. Alucinações, visões de anjos, criaturas sobrenaturais. Aparentemente, nada disso tem a ver com sua antiga vida. A sensação é de que parte dela se perdeu. É então que o caminho de Nora cruza o de um sexy desconhecido, a quem ela se sente estranhamente ligada. Ele parece saber todas as respostas… e também o caminho até o coração de Nora. Cada minuto a seu lado confirma isso, até que Nora se dá conta de que pode estar apaixonada. De novo.

Agora vamos ao que realmente interessa, bem, só posso dizer que terminei em uma tarde a leitura. Parando várias vezes,deu para reparar que comecei a resenha pelo último livro dos três,pois é,pensei em fazer algo diferente.
Não é que seja o melhor livro do mundo, longe disso. Estamos falando da série Sussurro e isso significa que voltamos ao universo de Patch (Jev), Nora e sua melhor-amiga-chata, Vee. Todo mundo sabe o tanto que eu não gosto de Vee e uma das melhores coisa de Silêncio é que ela aparece muito pouco.
Dos três livros, esse é o mais misterioso, mais sombrio, com mais elementos a serem descobertos por Nora e consequentemente, pelo leitor. Uma vez que a protagonista está desmemoriada, ficamos como ela, sem saber o que aconteceu nos últimos meses. A diferença é que o gap de memória dela é de cinco meses, ao passo que o nosso é de apenas três.
Becca mantém intocada a personalidade dos personagens. Ela consegue manter uma coerência entre o primeiro e o terceiro livro fazendo com que esperemos determinadas atitudes inconsequentes e impulsivas de uma e protetoras e questionáveis de outro.
Assim como Sussurro e diferente de Crescendo, Silêncio é um turn pager. A história é sim, repetitiva em alguns pontos – Nora se colocando em perigo e apelando para Patch – mas é também muito dinâmica. Embora saibamos quem é o vilão – e saibamos isso desde Crescendo – a pergunta não é ‘o que aconteceu?’ ou ‘como aconteceu?’, mas ‘como eles vão se livrar dessa?’.
Um recurso que eu gosto na série é o uso do “toque na cicatriz de Patch” como um “portal” para as suas lembranças. Ele é utilizado todas as vezes que Nora precisa saber de algo que Patch sabe mas seria complicado fazê-la chegar a essas conclusões. Isso também acaba se tornando um ponto afetivo entre o casal. E se tem algo que não se pode negar é a química entre Patch e Nora. E sim, Patch está na lista dos meus badboys favoritos – perde pro Dimka e pro Jace. Sorry, Patch!

“Sei que faria qualquer coisa por você, mesmo que para isso tivesse que agir contra meus instintos e minha natureza. Abriria mão de tudo que tenho, até da minha alma, por você. Se isso não é amor, é o melhor que tenho para oferecer.”

Eu AMEI o livro mesmo com todos os altos e baixos. É sim uma ótima dica de livro,pois ler é cultura e sempre será!!!
Mudando de assunto eu quero muitoooooooooo agradecer a Ana pela resenha do meu livro ELAS SÃO GÊMEAS, o meu obrigada,eu simplesmente adorei!!!Aqui está o link do blog da mesma com a resenha:   http://livrorosashock.blogspot.com.br/


LEMBRANDOOO QUE O LANÇAMENTO DO MEU LIVRO É DIA 28/06,TODOS ESTÃO CONVIDADOS!!! O POST ANTERIOR É O CONVITE DO LANÇAMENTO COM LOCAL,HORA E TUDO MAIS!!! EU ESPERO VOCÊ LÁ!!!ÓTIMA NOITE PARA TODOS E QUE VENHA O DOMINGO!!!

*____*

Evento de lançamento: Elas são gêmeas

Você é ou estará no Rio de Janeiro no final deste mês? Então você não pode perder o lançamento do livro Elas são gêmeas, da autora Paloma M. Duarte.
O lançamento será dia 28 de junho, às 19 horas, na Livraria Travessa do BarraShopping.

Compareça, esperamos por você!
 
 
 

O Morro dos ventos uivantes


Boa noite Pessoal!!!O que falar desse livro? Que me tocou de formas absurdamente iguais.. apesar de ter um entendimento diferente sempre que se lê de novo e de novo.Livro maravilhoso de fato!! Acredito que tudo gire na genealidade dos autores e no respeito que a palavra clássico carrega. Esse foi o meu sentimento ao começar a ler O morro dos ventos uivantes, respeito por uma abra que mesmo depois de ler duas vezes ainda desperta em mim os mesmo sentimentos e acredito que despertará sempre.

Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta: um amor proibido que deixará rastros de ira e vingança. "Meu amor por Heathcliff é como uma rocha eterna. Eu sou Heathcliff", diz a apaixonada Cathy. O único romance escrito por Emily Brontë e uma das histórias de amor mais belas de todos os tempos, O morro dos ventos uivantes é um clássico da literatura inglesa e tornou-se o livro favorito de milhares de pessoas. 


Seja qual  for a matéria de que as nossas almas são feitas, a minha e a dele são iguais, e a de Linton é tão diferente delas como um raio de lua de um relâmpago, ou a geada do fogo.
 
A estória começa com Lockwood conhecendo Heathcliff e o Morro dos ventos uivantes, o aspecto rude do seu senhorio e a frieza dos moradores chamam a atenção dele que ao pegar uma gripe pede a Nelly para que ela conte a estória deles. E é por meio dessa estória que conhecemos o amor sombrio e intenso de Heathcliff e Cathy. 

Depois de arrasares meu palácio, não penses que pode construir uma cabana e vangloriares da tua generosidade ao oferecê-la para eu morar.

O livro é narrado em primeira pessoa e alternas os pontos de vistas do Sr. Lockwood e de Nelly Dean. O primeiro é inquilino da Granja dos Tordos e a segunda foi empregada das duas famílias que fazem parte da estória, os Linton e os Earnshaw. A maior parte do mesmo é contada por Nelly, pois ela participa diretamente da estória e por isso possui todos os detalhes dela. Nelly não era só a empregada, era também a confidente de alguns personagens.

Heathcliff é descrito no livro como um cigano de pele escura, possuidor de um olhar sombrio e uma alma que só se revela ao estar perto de Cathy. A personagem central é uma garota mimada com uma beleza única e que por vezes usa isso ao seu favor. Ler o primeiro encontro dos dois ou como eles se relacionam é presenciar duas almas se encaixando, eles foram feitos um para outro porque só um entende o que o outro sente ou pensa. Ao mesmo tempo que te emociona é angustiante ver um amor que só consegue prosperar na dor.

Nelly, eu sou Heathcliff. Ele está sempre, sempre no meu pensamento.

A questão do livro não é sobre certo ou errado, bem ou mal é sobre o quão longe você vai para conseguir o que quer. Heathcliff foi até as últimas consequências para vingar o fato de não poder ter quem ele amava e de ter sofrido por tentar ter isso. Ele é o vilão da narrativa então? Não, porque a estória não nos permite ter esse tipo de julgamento, a começar que não temos uma mocinha. Cathy não tem atitudes nem sentimentos de heroina, muito pelo contrário, ela é uma anti-heroina. Já Heathcliff tende a oscilar entre eles, muitas vezes ele é retratado como vilão, mas muitas vezes como vítima do meio. Sendo assim, oscilamos entre o odio e encantamento pelo personagem.

O retrado da realidade estão nos personagens da Emily na minha opinião. Não somos totalmente bons, temos os dois aspectos dentro de nós que dependendo da situação se mostra. Quer mais humanidade para Heathcliff do que o sofrimento de não ter a pessoa amada? E é exatamente por isso que o livro é genial, não temos a quem amar e não temos a quem odiar, ficamos constantemente indo e voltando nas emoções intensas do livro. Ao mesmo tempo que fascina um amor tão forte te causa estranhamento pela forma como tudo acontece.Chegamos as final dele e não sabemos se foi feliz ou não, ou se foi o destino. Eu terminei e tive a sensação de "agora o Heathcliff vai ter o seu final feliz."

Se tudo mais perecesse e ele ficasse, eu continuaria, mesmo assim, a existir; e, se tudo mais ficasse e ele fosse aniquilado, o universo se tornaria  para mim uma vastidão desconhecida, a que eu não teria a sensação de pertencer.

É um livro maravilhoso, mesmo que ele tenha me feito gostar de um personagem tão cruel, e totalmente diferente de tudo o que já li. Não é um romance comum, não espere flores, beijos e amor de uma forma inocente e contida. Espere algo mais extremo, animalesco, amor e odio o tempo todo se tocando, forçando o outro a prevalecer. Leia sabendo que algo dentro de você vai mudar em relação a estórias romanticas e contos de fadas. Leia sabendo que você pode até não gostar, mas que vai te marcar como a hisstória de amor mais diferente que você já leu, ah isso vai.Livro esse que Kristen Stewart tem na sua cabeceira como um de  seus preferidos,só pra constar.

O mundo inteiro é uma terrível coleção de testemunhos de que um dia ela realmente existiu e a perdi para sempre!

O Morro Dos Ventos Uivantes 
Emily Brontë 
Editora Leya

O Pequeno Príncipe


Veja capa, sinopse e minha resenha do livro O Pequeno Principe, escrito pelo francês Antoine de Saint-Exupéry e publicado pela Editora Agir.
Sinopse:
O Pequeno Príncipe é uma fábula. Ou se preferirmos, uma parábola. Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada. A menos que não queira ver, a face do Pequeno Príncipe, a face de um outro, coroada com os espinhos da rosa….
Este livro é também um teste. Em narrativa poética, o autor vai elaborando sua visão de mundo e mergulha no próprio inconsciente, reencontrando a criança de cada um de nós. É o verdadeiro desenho número 1. Se não o quiseres compreender, se não te interessas pelo seu drama, fica aqui a sentença do Príncipe: Tu não és um homem de verdade. Tu não passas de um cogumelo……
O Pequeno Príncipe causa encanto a história do piloto cujo avião cai no deserto do Saara, onde ele encontra um príncipe, “um pedacinho de gente inteiramente extraordinário” que o leva a uma jornada filosófica e poética através de planetas que encerram a solidão humana em personagens como o vaidoso, capaz de ouvir apenas elogios; o acendedor de lampiões, fiel ao regulamento; o bêbado, que bebia por ter vergonha de beber; o homem de negócios que possuía as estrelas contando-as e contando-as em ambição inútil e desenfreada; a serpente enigmática; a flor a qual amava acima de todos os planetas.

Resenha:

Eu sinceramente acredito que O Pequeno Príncipe é uma história para adultos e é claro que crianças também adoram, em que o autor tenta guiar-nos e ensinar-nos magistralmente como você disse a raposa.
O planeta de O Pequeno Príncipe é uma alusão ao nosso própria vida, temos que ser cuidados e proteger nossa inocência, assim como a rosa é protegida por ele, os dois vulcões ativos representam coisas para fazer… as surpresas da vida seriam o vulcão inativo, e sem esquecer dos baobás que vivem nascendo, e o Principezinho arranca, são nossos problemas que vão aparecendo ao longo da vida temos que cortá-los e gerenciá-los antes que se tornem muito grande.Questionando nossa vida,nos fazendo pensar e refletir.
Eis o meu segredo. É muito simples:
-Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos.
Ao deixar seu planeta, também deixa para trás a sua infância e se move através de vários planetas, aonde vai se deparar com o desejo do Poder, como os vícios, as vaidades, o trabalho, ganancia, monotonia e o conhecimento.
Até que chega a Terra onde encontra uma cobra, uma raposa e o aviador, que é nosso narrador. E é assim ao longo da leitura de Antoine de Saint-Exupéry, as coisas sempre tem duplo, triplo ou quinto sentido, cada nova releitura terá mais detalhes a reparar e aprender.
A gente só conhece bem as coisas que cativou – disse a raposa.
- Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma.
Compram tudo já pronto nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos,
os homens não têm mais amigos. Se tu queres um amigo, cativa-me!
Torna-se um daqueles livros que você pode ler, reler e ler de novo, que sempre terá algo novo para aprender.
Boa leitura…
[Todo mundo sabe que Literatura Nacional está começando a ter um espaço, então eu peço a ajuda de você para divulgar e aproveitar para divulgar mais um pouquinho o meu livro ELAS SÃO GÊMEAS, já está a venda no endereço da editora que é: www.editorabarauna.com.br, dá uma forcinha aí galera!!! trazendo um Clássico como O Pequeno Príncipe nunca é demais... Curtir, twittar, clicar em +1, compartilhar e deixar um comentário não tira pedaço né.! Bjks e até a próxima]

Filmes de heróis- Eu gosto e você?


Começando hoje com os Avengers,Os Vingadores.Porque? além de adorar esses filmes com super heróis,confesso que já estou na expectativa de Avengers 2.
É saudável esse tipo de programação,não é apelativo e criança adora,costumo dizer que eu sempre serei uma eterna criança.(rs)
Enfim, para quem curte como eu deixo o filme que teve o que falar,foi o preferido de 2012.Marvel's The Avengers é um filme de ação americano de 2012 produzido pela Marvel Studios e distribuído pela Walt Disney Pictures.Papo calcinha agora,os heróis chamam bastante atenção não acham?Qual deles gostam mais??? Eu gosto de todos mais aquele Capitão América,suspiros. rsrs..


Bom,depois de uma descontraída básica,vou voltar com as informações técnicas dos Vingadores 2,porque o 1 acredito que todos já sabem que receberam premiações no Oscar e tudo mais,no Choice Awards no início do ano.


:


Elenco: Robert Downey Jr., Chris Evans, Scarlett Johansson, Chris Hemsworth, Samuel L. Jackson, Jeremy Renner, Mark Ruffalo.Quem viu gostou,não conheci ninguém que falasse ao contrário,mais vou me aprofundar ao Avengers 2,Os Vingadores 2, volta a reunir os super-heróis para tirar o mundo da iminência de um desastre quando um inesperado inimigo chamado Thanos ameaça a segurança global.
Os atores terão um aumento salarial, já que o primeiro filme arrecadou surpreendentes US$ 1,4 bilhão mundialmente. Quem deve ter o maior aumento é Scarlett Johansson, que se tornou a queridinha de Hollywood. A publicação revelou que a atriz deve receber um cheque de US$ 20 milhões, igualando aos pagamentos de Angelina Jolie ('Salt') e Cameron Diaz ('As Panteras 2').
» Para o primeiro filme, a Marvel conseguiu juntar seis grandes astros em um blockbuster, gastando um valor não tão alto. O único que recebeu grande pagamento foi Robert Downey Jr., com US$ 50 milhões. Chris Hemsworth, Chris Evans, Jeremy Renner e Mark Ruffalo receberam cerca de US$ 2 milhões a US$ 3 milhões. Samuel L. Jackson e Scarlett Johansson receberam algo em torno de US$ 5 milhões.
» Recentemente, o roteirista e diretor Joss Whedon falou que a sequência não deve seguir o caminho de outras franquias, pecando pelo exagero.
» Enquanto Whedon diz que planeja fazer 'Os Vingadores 2' um filme menor, mais initimo, ele também confirmou que planeja adicionar pelo menos um novo personagem para a equipe.
» Existem rumores de que Vin Diesel vai interpretar o Visão na seqüência. O Visão tem controle da densidade molecular de seu corpo, que podia ficar duro como diamante ou se tornar tão etéreo que atravessava diversos tipos de matéria, como paredes. Nos quadrinhos, ele era uma encarnação do Tocha Humana Original.
» Andrew Garfield revelou que amou tanto 'Os Vingadores', que gostaria muito de ter seu 'Homem-Aranha' na sequência. "Assisti e fiquei apaixonado. Vou assistir mais uma vez no final de semana. Não tenho problema nenhum em participar para aumentar a quantidade de dinheiro que o filme está fazendo", revelou. "Joss Whedon é um gênio, e o elenco é incrível. Fiquei com bastante inveja e quase pulei dentro da tela para brincar com eles. Fiquei muito triste em não participar, mesmo entendendo o motivo. Mas se Samuel L. Jackson quiser me recrutar, estou lá para o próximo.", finalizou.
» O produtor de 'O Espetacular Homem-Aranha', Avi Arad, revelou que também gostaria de ver seu personagem em 'Os Vingadores 2'. O problema é que cada franquia pertence a um estúdio: o Homem-Aranha é da Sony, e Os Vingadores é da Disney. "Se a história certa surgir, essa reunião é ótima para a Disney e para a Sony. Nosso pensamento está caminhando na direção correta", revelou.
» Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Chris Hemsworth (Thor), Clark Gregg (agente Coulson da S.H.I.E.L.D.), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Jeremy Renner (Gavião Arqueiro), Chris Evans (Capitão América), Chris Hemsworth (Thor), Samuel L. Jackson (Nick Fury) e Scarlett Johansson (Viúva Negra) e Mark Ruffalo ('Zodíaco') estrelam.

Enfim galera, foi, é e sempre será uma ótima programação com pipoca e guaraná para todos da família.Em breve O Pequeno Príncipe,comentado por mim.
bjo grande e ótima segunda-feira.
:))

Onze Minutos - Paulo Coelho

Apesar deste livro me ter permitido conhecer uma outra realidade, gostaria que a obra retratasse um pouco mais os outros integrantes da “indústria” do sexo e não se cingisse apenas aos pensamentos de Maria. Dessa forma, penso que essa parte da sociedade poderia ser melhor retratada e que poderia compreender de um modo mais profundo as motivações, medos e angústias de toda uma classe. Apesar disso, apreciei a forma como a história de se desenrolou aliando, tal como o autor anuncia na primeira página, a doçura e a inocência ao mundo da prostituição e ter um final de contos de fadas. Pensei conter um retrato mais alargado desta parte da sociedade. Mas penso que a obra me permitiu observar outros pontos de vista e perceber que nunca devemos descartar nenhuma possibilidade à partida, que todas as pessoas têm algo para oferecer, que a surpresa é uma constante na vida e a versatilidade é a única arma que possuímos para entrarmos neste “carrossel” e não desfalecermos numa das suas curvas apertadas.
Vale a pena ler,pois é uma realidade que nem mais é paralela e sim presente em nossas vidas,ainda existem pessoas que não acreditam nisso mais é a pura realidade,infelizmente.Paulo coelho conheceu a musa inspiradora do seu livro e a partir daí conseguiu desenvolver todo conteúdo através de uma longa conversa,bem bacana.Vou deixar o resumo do livro pra vocês entenderem melhor do que falo.
 
Resumo da obra:
A obra começa por nos narrar o contexto em que se insere Maria, a personagem principal, durante a sua infância, ou seja, numa pequena cidade do interior brasileiro. Observamos também a visão dela do mundo, deturpada pela falta de informação credível. São-nos dados a conhecer os seus vários desgostos amorosos, que a ensinam a acautelar-se em relação a este sentimento e a tornam um pouco fria e manipuladora. Além disso, particularmente, a primeira mágoa de amor demonstra-lhe a importância de aproveitar todas as oportunidades da vida, o que ela faz, deixando o seu emprego na loja de tecidos e o seu patrão apaixonado para se deslocar ao Rio de Janeiro, o local de todos os sonhos, por uma semana. E foi em busca de aventura, dinheiro e um marido que Maria abandonou a segurança do local onde crescera para se mudar para Genebra como dançarina numa boîte, a convite de um suíço que conhecera na capital. Passados alguns meses, a situação passou a desagradar à jovem, que dominada pelo tédio e frustrada pelas imposições daquela profissão, resolveu tentar a sua sorte como modelo fotográfica, iniciando uma vida mais activa, em que aprende francês, passeia pela cidade e conhece novas pessoas. Após espera prolongada por contactos profissionais, acaba por marcar um encontro com alguém do ramo, que acaba por se revelar, após algumas hesitações, na primeira experiência de Maria na “indústria” sexual: por uma noite, a brasileira consegue mil francos. Pensando no que teria a perder e ciente da durabilidade do seu maior trunfo, a beleza, Maria desloca-se à Rue de Berne, onde passa a trabalhar no bar Copacabana. Aí, é ensinada acerca das regras da profissão mais antiga do mundo. Apesar de a sua principal motivação ser o dinheiro, Maria acaba por realizar importantes descobertas acerca do amor, da natureza humana, agarrando-se a tudo o que pode para se manter fiel a si própria. Entretanto conhece Ralf Hart, um homem que aprecia a sua luz pessoal e que põe em risco a sua determinação, ameaçando a sua liberdade. Apesar de esta ser persistente e não pretender fugir dos seus objectivos, o pintor apresenta-se como uma pessoa diferente, que muito lhe ensina sobre a sua profissão, religião, sociedade e até sobre ela própria, ajudando-a a perceber o mundo que os rodeia. Mas até Maria atingir o prazo estabelecido para voltar ao nordeste brasileiro, com planos para a construção de uma fazenda e trabalho da sua família nesse negócio, ela ainda se descobre no mundo masoquista, em que sofrer é sinónimo de prazer. Ralf ajuda-a a escapar, e Maria percebe que chegou a altura de partir. No entanto, quando o seu avião faz escala em Paris, a jovem acaba por encontrar uma companhia maior do que as suas malas, novas experiências e lembranças felizes: Ralf espera-a no aeroporto. E a história acaba (ou talvez comece?) assim como iniciou, um conto de fadas, em que a personagem principal trabalhou como prostituta e encontrou o seu príncipe encantado num pintor boémio e viajado. Serão felizes para sempre?
Bom pessoal,espero que tenham gostado da dica,Paulo Coelho é maravilhoso com seus contos e histórias reais ou não,um dos meus preferidos.
 
Ótima segunda -feira pra todos!!
bjoo
:)